feliz pascoa na gaspoint

inc_menu

Ver nosso registro no site do INMETRO

Veja aqui nosso registro no INMETRO

.:: A verdade sobre as conversões baratinhas

.: Desconfie de preços surpreendemente baixos
Já faz algum tempo que iniciamos a segunda década do século 21, entretanto ainda existe um grande número de empresas que oferecem kits do tipo aspirado para as conversões dos veículos

Os kits aspirados pertencem na melhor das hipóteses, à terceira geração GNV. Já estamos na quinta geração.

Existe uma abismo tecnológico entre estas gerações. Enquanto os velhos kits aspirados eram um sistema monoponto, os kits injetados, de última geração, são um sistema multiponto, com bicos injetores independentes para cada cilindro do motor. A proporção entre ar e combustível é calculada de forma absolutamente precisa e não existe mais a presença do velho misturador que estrangulava a entrada de ar no motor.

Com isso, não existem mais os velhos estouros e pipocos, característicos dos kits aspirados.

A necessidade de atenção triplicada com o sistema de ignição já não é mais tão grande assim, os motores perdem menos potência e se comportam de forma idêntica ao rodar com combustível líquido.

Não aceite um kit aspirado, a menos que você tenha um carro realmente velho, mas aí... será que vale a pena converter e ter de arcar com tanta pentelhação? Sinceramente fico na dúvida...

ze do gas
.:: Coisas que devemos nos preocupar antes de converter
.: O velho kit torneirinha
torneirinha do velho kit gnv antigo Olhe a figura ao lado, é assim o velho "kit-torneirinha" que continua sendo oferecido por muitas convertedoras, especialmente fora da capital, onde a modernidade e a tecnologia parecem que levam mais tempo para chegar. O uso deste tipo de equipamento em carros mais novos que 1996 é proibido por lei ambiental.,
Estes velhos kits são a principal causa de graves problemas no motor como queima de junta de cabeçote e muitos outros.
Por quê então as convertedoras instalam?

A verdade é que é mais fácil de instalar, mas alegam que por ser muito mais barato, o povo prefere... Tudo bem, se seu carro ainda tiver carburador, não há alternativa, mas carros modernos com injeção eletrônica e kit torneirinha é duro de engolir.

Além disso, os defeitos só se manifestam com o tempo e até lá, já terminou a garantia.
.: Cilindros reteste de origem duvidosa
Um grave problema e o principal diferencial de preço.

Cilindros de origem duvidosa sem nota fiscal são esquentados nas convertedoras de má qualidade que os enviam para reteste. A empresa que faz reteste não exige nota fiscal e esquenta o cilindro emitindo um novo certificado. Trata-se de uma brecha na legislação do INMETRO que permite que um cilindro seja retestado sem apresentação de nota fiscal.

O cilindro é vendido como usado a preços baixíssimos e o cliente leva o carro para a inspeção veicular que também não exige a nota regularizando o kit.

Esta prática é comum e é um incentivo ao crime, já que aumenta a quantidade de veículos roubados por "empresas especializadas" em vender cilindros usados a preço de banana no mercado que se aproveita da falta de fiscalização para usar de recursos criminosos.

Não caia nessa, kits muito baratos alimentam a criminalidade e no fim o barato sai caro.
que nojo

.: Componentes de qualidade inferior
parafuso 8.8 Muita gente usa componentes de qualidade inferior é uma forma de se conseguir preços mais baixos. Os órgãos fiscalizadores não irão olhar qual é o tipo de parafuso que a instaladora usou, mas o preço faz uma diferença importante, afinal são vários parafusos necessários para segurar um suporte adequadamente.

Claro que parafusos de má qualidade se quebram mais facilmente, mas já que o cliente nunca irá prestar atenção nesse detalhe, aí está um recurso largamente utilizado.


.: O suporte genérico
Cada carro deve possuir um suporte de cilindro específico que se encaixe na região de maior resistência (as longarinas) do carro a fim de evitar problemas graves como esse da foto ao lado. O problema é que muita gente instala suporte genérico que é mais barato, mas muitas vezes os pontos de fixação ficam desalinhados com a estrutura do carro. O resultado é rachaduras e buracos na lataria como podemos ver no carro deste cliente que nos procurou.

Além disso, muita gente não instala os dois tubos (traqueias) que são obrigatórios além de um importante item de segurança.
suporte GNV incorreto

suporte correto corsa sedan Veja só a diferença, este mesmo carro foi reparado na GásPoint e instalamos o suporte adequado para ele.

Alguns recursos chegam a ser assustadores, sinceramente, você acha que vale a pena economizar na instalação e ter resultados como esse ao lado?

Ou esse?

Veja só que surpreendente. Uma vez que a convertedora não possuia as cintas de fixação do cilindro do tamanho adequado, a solução foi fazer um furo e usar a cinta grande mesmo... legal, né? É uma vantagem caso o cilindro resolver engordar um pouco e precisar "soltar o cinto".

conversao gnv barata Veja só essa outra pérola: A empresa usou um suporte genérico (mais barato), mas como não conseguiu apertar os parafusos, deixou solto mesmo... Com o tempo, o cilindro começou a rodar e o tubo de alta pressão enrolou-se na válvula provocando um perigoso vazamento.

Algumas pessoas perguntam porque os preços são mais altos na GásPoint... bem, pra começar aqui esse tipo de absurdo pode até dar justa causa.

.: Má qualidade das conexões elétricas
Veja a direita um exemplo comum de má qualidade.

Para que se preocupar com conectores especiais automotivos se é muito mais barato simplesmente cortar o chicote, enrolar os fios e colocar fita isolante?

Esse é o pensamento que povoa o mercado brasileiro de conversão GNV, infelizmente.

No caso ao lado, sequer existe a fita isolante. ah.. tudo bem.. ela caiu...
Na Gaspoint usamos terminais automotivos especiais. Eles encarecem a conversão, mas tem várias vantagens:

- Menor índice de instabilidade elétrica
- Menos mau contato
- Preserva o chicote original do veículo
- Fica um serviço muito mais bem feito

.: Conclusão
Quando você for converter seu veículo, leve tudo isso em conta. Kit GNV não é uma pecinha que você cola no motor. A conversão possui um alto nível de complexidade tecnológica e exige tanto componentes de boa qualidade quanto experiência com mecânica e alto nível de qualidade de mão de obra.


 


Gás Point - FlashPoint Com. de Pneus, Autopeças e Serviços Ltda - direitos reservados - Fale conosco - Twitter